04 Julho 2022, 19:03

Dragão festeja título em casa e despede-se com um recorde

O FC Porto recebeu, sábado, no Dragão, o Estoril, com uma vitória por 2-0, na 34.ª jornada que encerrou a época desportiva, batendo o recorde de pontos (88) conquistados numa época, atingindo, assim, os 91.

Oficializando o título conquistado há uma semana, os azuis e brancos receberam o troféu, no final da partida, perante os 47.512 adeptos que fizeram questão de marcar presença no Dragão, de forma a celebrar mais uma conquista do campeão nacional.

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



Determinado a bater o próprio recorde, o FC Porto, que entrou em campo já com o título de campeão nacional, procurava ultrapassar os 88 pontos conseguidos na época 2017/2018, que repartia com o Benfica.

O primeiro canto surgiu do ataque elaborado pelo Estoril, logo aos dois minutos.
No primeiro quarto-de-hora, as ofensivas iam sendo repartidas por ambas as equipas e as ovações a Zaidu, o «herói da Luz», faziam-se sentir a cada vez que tocava na bola.

O Estoril, que já ocupava uma posição tranquila na tabela classificativa, demonstrava alguns pormenores interessantes mas a iniciativa partia, quase sempre, dos azuis e brancos.

O jogo manteve-se morno e quase não houve oportunidades flagrantes para nenhuma das formações, com alguns remates, de ambas as partes, sem qualquer enquadramento.
Nas bancadas, a claque dos Super Dragões lembrou Igor, o adepto morto durante os festejos, há uma semana, com um minuto de silêncio.

Ao intervalo mantinha-se o empate a zero.

O Dragão foi rodeado de forte aparato policial, devido à quantidade de adeptos presentes, e que se adivinhava rumarem à Baixa, após o jogo, para a festa organizada pela autarquia portuense.

© Amânida Queirós | Mundo Atual

A segunda metade da derradeira jornada da Liga BWin abriu com um golo do FC Porto, logo aos 47’, festejado de forma estrondosa pelos adeptos, que aclamavam o campeão.

Zaidu surge na área dos estorilistas, cruza rasteiro e Joãozinho, na tentativa de que a bola não chegue a Evanilson, acaba por desviar para o fundo da própria baliza. Estava inaugurado o marcador no Dragão, com um autogolo do Estoril.

O FC Porto, que mantinha a cadência atacante, acelerou a velocidade e, aos 55’, acabou por ver barrado pela trave, um estrondoso remate de Evanilson. Num lance confuso, o brasileiro desviou mas a bola acabou por embater no ferro.

A assumir, claramente, o controlo do jogo, era o FC Porto quem mais atacava, conseguindo um período de largos minutos de pendor ofensivo e de vários remates à baliza do Estoril, embora sem êxito.

Aos 62, Sérgio Conceição troca Evanilson por Fábio Vieira e Vitinha dá lugar a Francisco Conceição.

Intrometendo-se no pendor ofensivo dos «dragões», o Estoril acercou-se da baliza de Cláudio Ramos que, em defesa aparatosa, sacode o remate de Mboula, evitando o golo dos estorilistas, decorria o minuto 75.

Em substituições adicionais, as saídas de Pepe, João Mário e Cláudio Ramos deram lugar na equipa a Ruben Semedo, Fernando Andrade e Meixedo e o FC Porto passou, assim, a contar assim com 33 campeões.

Antes do fecho ainda houve lugar a mais um golo dos azuis e brancos. Fernando Andrade só precisou de dois minutos em campo para alterar o resultado, num remate que resultou do cruzamento de Fábio Vieira.

A entrega do troféu referente ao título estava marcada para o final da partida, oficializando, assim, a conquista do campeonato, já consumada na 33.ª jornada.

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

Tags

Sem comentários

deixar um comentário