15 Setembro 2022, 21:06

AG da FPF vai debater parecer do Sporting sobre contagem de títulos de campeão

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Redação, 20 jun 2022 (Lusa) — O parecer apresentado pelo Sporting à Assembleia-Geral (AG) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) sobre a contagem dos títulos de campeão nacional foi admitido e vai ser debatido em 29 de junho, disse hoje à Lusa fonte ligada ao processo.


Os delegados deste órgão social federativo já foram convocados para a reunião magna, que iria debater dois pareceres sobre a recontagem dos títulos de campeão nacional.


Um dos pareceres defende que os vencedores do Campeonato de Portugal, entre 1921/22 e 1938/39, e do Campeonato da Liga, disputada em simultâneo, a título experimental, entre 1935 e 1938, sejam declarados campeões nacionais.


Outro identifica o Campeonato de Portugal como antecessor da Taça de Portugal, que começou a ser disputada em 1939, e o Campeonato da Liga como correspondente do campeonato nacional.


Os ‘leões’, que venceram o Campeonato de Portugal em 1922/23, 1933/34, 1935/36 e 1937/38, defendem o reconhecimento destes títulos como de campeão nacional, tendo feito chegar o parecer de Diogo Ramada Curto e Bernardo Pinto da Cruz à Mesa da AG da FPF, que foi incluído para a discussão no dia 29.


Esta competição foi ainda vencida quatro vezes pelo FC Porto (1921/22, 1924,25, 1931/32 2 1936/37), três pelo Benfica (1929/30, 1930/31 e 1934/35) e pelo Belenenses (1926/27, 1928/29 e 1932/33) e uma pelo Olhanense (1923/24), pelo Marítimo (1925/26) e pelo Carcavelinhos (1927/28).


Já o Campeonato da Liga, ou Liga Experimental, foi vencido três vezes pelo Benfica (1935/36, 1936/37 e 1937/38), depois da conquista do FC Porto no ano de estreia (1934/35).


Em 19 de janeiro de 2019, o assunto foi debatido na Assembleia da República (AR), tendo os vários grupos parlamentares considerado que o reconhecimento das edições do Campeonato de Portugal realizadas entre 1922 e 1938 é matéria, dada a sua especificidade, da competência da FPF.


O tema foi levado a debate na sessão plenária na AR sob a forma de uma petição liderada por Alexandre Silva Almeida, com 4.470 subscritores, que pretendia ver reconhecidos como títulos de campeão nacional as 17 edições do Campeonato de Portugal.



JP // NFO


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário