12 Agosto 2022, 13:42

Algarve Cup: Itália vence Dinamarca pela margem mínima no jogo de abertura

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Lagos, Faro, 16 fev 2022 (Lusa) — A seleção italiana de futebol feminino venceu hoje a sua congénere da Dinamarca, por 1-0, no jogo de abertura da 28.ª edição da Algarve Cup, disputado no Estádio Municipal de Lagos.


A avançada dos italianos do AC Milan Barbara Bonasea assinou o único tento da partida, o que permite à seleção de Itália assumir provisoriamente a liderança da classificação do torneio algarvio.


A 28.ª edição da Algarve Cup disputa-se este ano num novo formato com apenas cinco seleções: Portugal, Itália, Dinamarca, Noruega e Suécia.


A formação italiana entrou melhor no jogo, mais ‘agressiva’ e com velocidade, mas com pouca criatividade para ultrapassar a barreira defensiva dinamarquesa.


Sem conseguir abrir espaços para a baliza adversária, as italianas tentaram de longe visar o ‘alvo’, com Martina Piemonte, por duas vezes (10 e 25 minutos) a tentar a sorte com remates que passaram muito perto da baliza de Lene Christensen, naquelas que foram as duas melhores ocasiões da formação transalpina na primeira parte.


Neste período, a Dinamarca, só aos 32 minutos, é que conseguiu sair da ‘teia’ italiana, e aproximar-se sem perigo da área adversária, com o ‘nulo’ a justificar-se ao intervalo.


A segunda parte começou praticamente com o golo das italianas, com Barbara Bonasea a finalizar uma jogada de contra-ataque, aproveitando os espaços concedidos pela defesa dinamarquesa.


A partir do golo, a Itália recuou no terreno, dando a iniciativa do jogo à formação nórdica que, embora com maior posse de bola, foi incapaz de criar situações para visar a baliza de Laura Giuliani.


A três minutos do final, a Dinamarca teve oportunidade de evitar a derrota, mas o remate de fora da área de Lisa Boattin embateu no poste esquerdo da baliza transalpina.


O encontro de abertura da competição algarvia opôs a Itália, 15.ª do ‘ranking’ mundial e a Dinamarca (14.ª), naquele que foi o 12.º confronto do historial entre as duas seleções, que somam quatro vitórias cada e quatro empates.


A seleção portuguesa estreia-se hoje na competição, defrontando a Noruega, às 18:30, no Estádio Municipal de Lagos.



Jogo no Estádio Municipal de Lagos.


Dinamarca — Itália: 0-1.


Ao intervalo: 0-0.


Marcadora:


0-1, Barbara Bonasea, aos 51 minutos.



Equipas:


– Dinamarca: Lene Christensen (Kathrine Larsen, 63), Sara Thrige, Stine Ballisager, Isabela Obaze (Matilde Lundorf Skovsen, 55), Simone Boye, Sanne Troelsgaard, Caroline Moller (Rikke Marie Madsen, 79), Kathrine Kuhl (Ema Snerle, 63), Signe Bruun (Stine Larsen, 79), Mille Gejl (Olívia Holdt, 79) e Sofie Svava.


(Suplentes: Kathrine Larsen, Olívia Holdt, Ema Snerle, Pernille Harder, Katrine Veje, Stine Larsen, Matilde Lundorf, Rikke Marie Madsen, Luna Gevitz, Janni Thomsen e Sarag Thygesen).


Treinador: Lars Sondergaard.


– Itália: Laura Giuliani, Valentina Bergamaschi (Lúcia Di Guglielmo, 79), Sara Gama (Alia Guagni, 58), Aurora Galli (Arianna Caruso, 46), Manuela Giugliano, Barbara Bonasea (Annamaria Serturini, 58), Lisa Boattin, Martina Lenzini, Valentina Cernoia (Martina Rosucci, 67), Benedetta Orsi e Martina Piemonte (Cristiana Girelli, 46).


(Suplentes: Rachele Baldi, Alia Guagni, Elena Linari, Martina Rosucci, Valentina Giacinti, Cristiana Girelli, Francesca Durante, Lúcia Di Guglielmo, Flamínia Simonetti, Annamaria Serturini, Arianna Caruso e Sofia Cantore).


Treinadora: Milena Bertolini.



Árbitro: Susana Corella (Equador).


Ação disciplinar: Cartão amarelo para Sara Gama (49).


Assistência: Cerca de 500 espetadores.




JPC // MO


Lusa/Fim.

Sem comentários

deixar um comentário