06 Setembro 2022, 16:19

Armando Vara condenado a dois anos de prisão por branqueamento de capitais

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

O antigo ministro e ex-administrador da Caixa Geral de Depósitos Armando Vara foi hoje condenado a uma pena efetiva de dois anos de prisão pelo crime de branqueamento de capitais.

Armando Vara estava acusado de um crime de branqueamento de capitais, do qual foi pronunciado em processo separado da Operação Marquês.

 

Sem comentários

deixar um comentário