16 Setembro 2021, 19:13

Autoridades espanholas apreendem uma tonelada de cocaína em veleiro perto dos Açores

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Cádis, 23 jun 2021 (Lusa) — A polícia e a autoridade tributária espanholas apreenderam uma tonelada de cocaína num veleiro, perto dos Açores, que pertencia a uma rede de tráfico de droga liderada por um ex-membro da Marinha Real britânica.


O veleiro, denominado ‘Windwhisper’, foi intercetado por agentes de segurança das fronteiras da polícia da Costa del Sol, no dia 13 de junho, referiram hoje as autoridades.


A apreensão resultou na prisão dos três tripulantes e, consequentemente, no desmantelamento de uma organização internacional com sede na província de Cádis, que utilizava uma empresa legal de venda e aluguer de barcos para introduzir grandes quantidades de drogas no sul de Espanha.


Juntamente com os tripulantes, quatro outros membros da rede foram presos em Gibraltar e na província de Málaga, sendo que a maioria dos detidos é natural do Reino Unido, com alguns membros da rede oriundos de Espanha e Marrocos.


Entre os detidos encontra-se o líder da rede, um antigo membro da Marinha Real com grandes conhecimentos náuticos, já que tinha experiência a trabalhar com submarinos de combate nuclear.


A rede, que estava em funcionamento há cerca de 14 anos, dedicava-se ao tráfico de haxixe mas, nos últimos tempos, e após pressão policial, diversificou a sua atividade e começou a traficar cocaína na costa de Gibraltar e na Costa del Sol.


A operação chamada ‘Sueños-Candado’ terminou após um ano de investigação, que contou também com a colaboração da Agência Nacional de Crime britânica (NCA, na sigla em inglês).


Em agosto de 2020, um carregamento de 600 quilos de haxixe foi intercetado num barco à vela no porto de Ceuta e, passados três meses, outro carregamento de mil quilos foi localizado numa embarcação em Cádis, pelo que ambas as apreensões terminaram com um total de 10 pessoas presas.


 


JPZS/PMC // PMC


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário