15 Maio 2022, 10:36

Bernardo Atilano nos Europeus de badminton apostado em mostrar a sua evolução

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Redação, 24 abr 2022 (Lusa) — O pentacampeão nacional de badminton, Bernardo Atilano, apresenta-se, a partir de terça-feira, nos Europeus de Madrid apostado em comprovar a sua melhoria de desempenho e sempre com a estreia em Jogos Olímpicos no pensamento.


“Falhei Tóquio2020 por quatro lugares. Passei semanas difíceis e questionei as minhas capacidades, mas sou teimoso e apaixonado, pelo que quero estar em Paris2024. A qualificação começa em maio de 2023 e quero tentar atingir o melhor nível possível para daqui a um ano começar a fazer pontos”, vincou, em declarações à agência Lusa.


Atilano, 137.º do ranking mundial, não foi feliz no sorteio de Madrid, pois vai encontrar o francês Toma Júnior Popov, número 28 da mesma hierarquia.


“O sorteio não foi muito benéfico, mas vou lutar por cada ponto e tentar o melhor. O meu grande objetivo será discutir o jogo contra um adversário que está a jogar muito bem e é top-30 do mundo. Quero pôr em prática aquilo que tenho treinado”, disse, garantindo estar “física e mentalmente bem”.


Bernardo Atilano revelou que, após reflexão com o seu treinador, para este novo ciclo olímpico foram introduzidas várias “melhorias” à sua preparação, desde procurar maior intensidade nos treinos, ter melhores volantes nas sessões e trabalhar com um grupo “bastante unido e de boa qualidade”.


Paralelamente, para continuar a evoluir, vai procurar fazer estágios em “países fortes” no badminton, destacando França, Países Baixos e Dinamarca.


Nestes europeus, o atleta estará acompanhado de Sónia Gonçalves, 177.ª do ranking mundial, que também competirá em pares femininos, neste caso com a irmã Adriana, que é 133.ª do mundo.


“Acho que, como eu, podem discutir os jogos, pois são bastante trabalhadores e esforçadas, por isso estou certo que irão dar o melhor delas também”, disse.


Sónia Gonçalves vai ter como adversária a ucraniana Maria Ulitina, mais cotada, em 59.ª da hierarquia, enquanto na prova de pares femininos as rivais serão as italianas Martina Corsini e Judith Mair.


Os europeus de badminton começam na segunda-feira em Madrid, mas os três portugueses entram em prova somente na terça-feira.



RBA // MO


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário