06 Fevereiro 2023, 07:00

Blatter e Platini vão ser julgados na Suíça em junho

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Lausana, Suíça, 12 abr 2022 (Lusa) — Os antigos presidentes da FIFA e da UEFA Joseph Blatter e Michel Platini, respetivamente, vão ser julgados entre 08 e 22 de junho, na Suíça, no âmbito de suspeitas de fraude, anunciou hoje a justiça helvética.


Blatter, que liderou a FIFA entre 1998 e 2015, agora com 86 anos, e Platini, presidente da UEFA, entre 2007 e 2016, e uma ‘estrela’ na década de 1980 da seleção francesa e da Juventus, de 66 anos, enfrentam ainda acusações de “gestão danosa, abuso de confiança e falsificação de documentos”.


Na investigação, Blatter e Platini são suspeitos de terem combinado o pagamento ilícito de dois milhões de francos suíços (1,8 milhões de euros) por parte da FIFA ao então dirigente máximo da UEFA.


Platini terá recebido a quantia em 2011, alegadamente, pelos serviços prestados como conselheiro de Blatter entre 1998 e 2002. Ambos justificaram o pagamento tão diluído no tempo com o facto de as finanças da FIFA, na altura, não permitirem remunerações tão elevadas como as acordadas entre Blatter e Platini.


O caso já foi julgado nas instâncias desportivas, tendo Blatter, que renunciou à presidência da FIFA em 2015, sido suspenso por seis anos de qualquer atividade ligada ao futebol, por “abuso de posição”, “conflito de interesses” e “má gestão”, e Platini recebido uma punição de quatro anos.


Segundo a legislação suíça, a fraude simples tem uma moldura penal de até cinco anos de prisão ou uma punição pecuniária.



AO (HPG) // AMG


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário