18 Outubro 2021, 15:17

Cinco pessoas morrem ao tentar escalar o monte Elbrus na Rússia

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Moscovo, 24 set 2021 (Lusa) – Cinco pessoas que escalavam o monte Elbrus, a montanha mais alta da Europa localizada no Cáucaso russo, morreram após serem surpreendidas por uma tempestade de neve repentina, anunciaram hoje os serviços de resgate locais.


“Conseguimos salvar 14 pessoas, estas foram retiradas (…) em veículos com rastro (lagartas) e atendidas por médicos. Infelizmente, cinco pessoas morreram”, declarou o Ministério de Situações de Emergência russo, numa mensagem publicada na rede social Telegram.


Na quinta-feira, de acordo com o ministério, o grupo de 19 alpinistas ficou preso a uma altitude de mais de 5.000 metros devido a uma súbita deterioração do tempo.


Depois de receber o alerta, os serviços de emergência disseram ter enviado 69 pessoas e 16 veículos para resgatá-los.


“As equipas de resgate trabalharam em condições muito difíceis. A força do vento atingiu entre 40 e 70 metros por segundo, houve fortes tempestades de neve e a temperatura caiu para 20 graus negativos”, disse o ministério.


A operação de resgate durou quase cinco horas, durante a noite de quinta-feira e hoje, segundo a fonte.


Citado pela agência de notícias TASS, o responsável pela estrutura que organizou a escalada, Denis Alimov, disse que uma jovem do grupo se sentiu mal na manhã de quinta-feira e voltou com um guia.


Apesar desta desistência, o resto do grupo continuou e direção topo, segundo Alimov, antes de ser surpreendido pela tempestade de neve.


A jovem morreu nos braços do guia que a acompanhava durante a descida, disse Denis Alimov.


O Elbrus, que atinge 5.642 metros, é o pico mais alto do Cáucaso e da Europa. Acidentes fatais são regulares nesta região, mas raramente com números de pessoas tão pesado.



CSR // VM


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário