29 Janeiro 2022, 14:11

Confiança dos consumidores e clima económico estabilizam em dezembro

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Lisboa, 04 jan 2022 (Lusa) — O indicador de confiança dos consumidores estabilizou, em dezembro, após ter diminuído nos dois meses anteriores, tal como o de clima económico, que tem vindo a apresentar um comportamento irregular desde julho, divulgou hoje o INE.


De acordo com os resultados dos inquéritos de conjuntura às empresas e aos consumidores, divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), em dezembro, os indicadores de confiança aumentaram na indústria transformadora e na construção e obras públicas.


Por outro lado, diminuíram ligeiramente no comércio e nos serviços.


“O saldo das opiniões dos consumidores relativas à evolução passada dos preços aumentou nos últimos três meses, de forma ténue em dezembro, atingindo o valor máximo desde abril de 2012”, apontou a autoridade estatística.


Já as expectativas dos empresários da construção e obras públicas sobre a evolução futura dos preços de venda voltaram a registar o valor máximo da série, reforçando o acentuado crescimento observado desde maio.


No que diz respeito à indústria transformadora, as perspetivas sobre os preços de venda, no mês em análise, situaram-se no valor máximo desde outubro de 1990.


No entanto, o saldo das perspetivas de evolução futura dos preços de venda no comércio diminuiu, depois de ter atingindo, em novembro, o valor máximo da série iniciada em 2003.


Também o saldo das expectativas de evolução dos preços de prestação de serviços diminuiu no último mês de 2021, após os aumentos observados nos quatro meses anteriores, que atingiram um nível próximo do máximo da série registado em novembro de 2005.



MPE // EA


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário