30 Dezembro 2022, 06:33

Covid-19: Índia com 56.211 novos casos, quase menos 12 mil que na véspera

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Nova Deli, 30 mar 2021 (Lusa) – A Índia contabilizou 271 mortes provocadas por covid-19 e 56.211 casos nas últimas 24 horas, quase menos 12 mil que na véspera, quando foram diagnosticadas 68.020 infeções, de acordo com os dados oficiais.


Nos últimos três dias, o país tinha ultrapassado as 60 mil infeções diárias, confirmando a curva ascendente da pandemia e atingindo os piores registos desde outubro do ano passado.


A Índia tinha conseguido travar a progressão da pandemia, depois de atingir o pico de infeções em meados de setembro de 2020, quando foram diagnosticados 97.894 casos num só dia, mas as infeções voltaram a aumentar no último mês.


O aumento verificou-se, sobretudo, no estado de Maharashtra, responsável por mais de metade dos casos nas últimas semanas. Só nas últimas 24 horas, aquele estado, cuja capital é Mumbai, diagnosticou 31.643 casos (56% do total).


Desde o início da pandemia, a Índia contabilizou mais de 12 milhões de casos de covid-19 (12.095.855), sendo o terceiro país do mundo com mais infeções, atrás dos Estados Unidos e do Brasil.


A Índia é o quarto país do mundo com mais óbitos (162.114), a seguir aos Estados Unidos, Brasil e México, de acordo com a contagem independente da Universidade Johns Hopkins (EUA).


O país tem atualmente 540.720 casos ativos.


Com uma população de 1,3 mil milhões de habitantes, a Índia começou a campanha de vacinação em 16 de janeiro, tendo até agora vacinado mais de 61 milhões de pessoas (61.113.354), de acordo com os números atualizados diariamente pelo Ministério da Saúde indiano.


A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.784.276 mortos no mundo, resultantes de mais de 127 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.


A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.



PTA // MIM


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário