28 Janeiro 2022, 00:10

Covid-19: Moçambique com mais casos em dois dias do que nas últimas duas semanas

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Maputo, 02 dez 2021 (Lusa) – O número de casos de covid-19 em Moçambique nos dois primeiros dias de dezembro foi maior que nas duas últimas semanas de novembro, mas sem óbitos, segundo dados do Ministério da Saúde.


Na quarta-feira e hoje, o país registou 104 novos casos, enquanto nas duas últimas semanas de novembro somou 91.


O número de mortes desde o início da pandemia mantém-se em 1.941, com o último óbito registado na segunda-feira e, já na altura, após quatro dias consecutivos sem vítimas fatais associadas à covid-19.


A subida de casos acompanha um aumento de testes, algo que tem coincidido com as alturas de maior mobilidade, em épocas festivas ou de férias.


Na segunda-feira, houve 422 casos suspeitos testados, 1.449 na terça, 1.607 na quarta e hoje 1.857, segundo os boletins do Ministério da Saúde.


Ao mesmo tempo, a percentagem de casos detetados (taxa de positividade) entre os testes feitos a nível nacional tem subido de 0,95% na segunda-feira para 3,12% hoje.


O boletim do Ministério da Saúde não adiante nenhuma explicação para a subida dos números registada esta semana, após uma fase de retrocesso da covid-19 em Moçambique, que viveu um pico de casos e mortes em julho, na terceira vaga que atingiu o país.


O país lusófono tem um total acumulado 151.652 casos, 98% dos quais recuperados e nove internados.


A covid-19 provocou pelo menos 5.223.072 mortes em todo o mundo, entre mais de 262,93 milhões infeções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.


A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em vários países.


Uma nova variante, a Ómicron, foi recentemente detetada na África do Sul.



LFO // VM


Lusa/Fim


 

Sem comentários

deixar um comentário