03 Dezembro 2021, 01:14

Covid-19: Ovibeja 2021 cancelada e assinalada com feira virtual de dois dias em abril

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Beja, 20 jan 2020 (Lusa) — A Ovibeja 2021 foi cancelada devido à pandemia de covid-19, e vai ser substituída por uma feira virtual de dois dias, em 22 e 23 de abril, anunciou hoje a organização da maior feira agropecuária do país.


“Embora sabendo da importância que representa para a agricultura e todas as atividades económicas e sociais da região, e até mesmo do país, a comissão organizadora viu-se obrigada a reconhecer que não estão reunidas as condições para realizar a 37.ª Ovibeja nos moldes tradicionais”, refere uma nota enviada à agência Lusa.


O documento adianta, no entanto, que “foi decidido assinalar a data” com a realização de uma feira “num formato moderno, com recurso a tecnologias de comunicação e informação” durante dois dias no mês de abril.


O programa da Ovibeja ‘digital’ ainda “está em construção”, mas é certo que “não terá expositores nem espetáculos”, devendo decorrer num “formato misto”, online e presencial, “sempre no respeito pelas normas de higiene e segurança” definidas pelas autoridades nacionais de saúde.


Um dos eventos que não vai deixar de acontecer, por exemplo, é a 10.ª edição do Concurso Internacional de Azeites Virgem Extra, “um dos mais cotados a nível mundial”, refere a comissão organizadora, sem precisar os moldes em que o mesmo vai decorrer, mas frisando que já está “a receber amostras de azeite” até ao dia 19 de março.


Além disso, com o objetivo de “suscitar a discussão e o debate junto de agricultores e produtores pecuários, estudantes e investigadores políticos”, a 37.ª edição da Ovibeja vai também organizar conferências online sobre diversas áreas relevantes para o setor.


“Agricultura, pecuária, alterações climáticas e biodiversidade, olival e regadio e a nova PAC [Política Agrícola Comum]” são alguns dos temas prometidos pela organização, que pretende realizar uma feira apelativa para todos os escalões etários.


“Aos mais jovens, ligados à agricultura, vão ser propostos desafios, via ‘net’ e presenciais, que apelem às suas competências técnicas (práticas e teóricas), atitudes colaborativas, gestão de risco, capacidade de organização, de liderança e de partilha”, anuncia a organização.


A Ovibeja é uma feira anual organizada pela Associação de Agricultores do Sul (ACOS), que tem cerca de 2.000 associados e presta serviços “destinados a todo o setor agrícola, pecuário e florestal”.


“É um meio de dar a conhecer e projetar o que se faz no campo e como se faz, promover a partilha de experiências e de conhecimentos e de contribuir para a visibilidade de ‘Todo o Alentejo deste Mundo'”, expressão usada como ‘slogan’ da feira.


Em 2020, a Ovibeja, que estava programada para decorrer entre 29 de abril e 03 de maio, foi cancelada em março, poucos dias após o anúncio do primeiro confinamento geral destinado a travar a progressão da pandemia de covid-19.


Nessa altura, todos os eventos previstos foram cancelados, incluindo o concurso internacional de azeites virgem extra.


Em Portugal, já morreram 9.246 pessoas dos 566.958 casos de infeção por covid-19 confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.


 


SYL // JNM


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário