17 Setembro 2021, 20:10

Eduardo Cabrita: Acidente na A6 não deve ser usado para “confrontação política”

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

O ministro da Administração Interna disse hoje que o assunto do acidente mortal que envolveu o carro em que seguia na A6 não deve ser usado para “confrontação política” e remeteu a saída do Governo para o primeiro-ministro.

“Acho que não deve ser matéria de um quadro de confrontação política”, defendeu Eduardo Cabrita aos jornalistas no final da cerimónia de aniversário da PSP.

Questionado se tem condições para continuar no cargo, o ministro da Administração Interna afirmou que esse assunto é da “estrita responsabilidade” do primeiro-ministro.

“Essa é uma matéria da estrita responsabilidade do primeiro-ministro. Tenho quatro anos de exercício de funções que corresponderam aos melhores indicadores de segurança em Portugal”, observou.

Sem comentários

deixar um comentário