04 Julho 2022, 05:39

Empresário luso-angolano Carlos São Vicente condenado a 9 anos de prisão efetiva

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Luanda, 24 mar 2022 (Lusa) — O empresário luso-angolano Carlos São Vicente foi condenado hoje a 9 anos de prisão efetiva, pelo Tribunal da Comarca de Luanda, e ao pagamento de uma indemnização de 500 milhões de dólares (454 milhões de euros), anunciou hoje a defesa.


Carlos de São Vicente, marido de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, foi condenado pelos crimes de peculato e fraude fiscal e a defesa garante que recorrer da sentença.



DYAS // VM


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário