27 Setembro 2021, 23:00

Fábio Cardoso assina por cinco épocas com o FC Porto

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

O futebolista português Fábio Cardoso é o mais recente reforço do FC Porto, com o defesa central a assinar um contrato por cinco temporadas, até 2026, anunciou hoje o clube portuense no sítio oficial na Internet.

O jogador, de 27 anos, chega ao FC Porto depois de três épocas no Santa Clara e de um percurso em que fez quase toda a formação no Benfica, clube em que jogou também na equipa B, antes de ser cedido ao Paços de Ferreira.

“É um dos dias mais felizes da minha vida, sem sombra de dúvidas. Ainda não acredito. É um sonho tornado realidade chegar a um patamar destes, num dos maiores clubes do mundo”, disse Fábio Cardoso, citado pelo FC Porto.

Nos «dragões», o central vai vestir a camisola número dois, anteriormente envergada por Jorge Costa, João Pinto e Bruno Alves, e diz estar preparado para mostrar o que vale e agarrar a oportunidade.

“Ele [Bruno Alves] foi uma das primeiras pessoas com quem falei assim que surgiu a possibilidade de vir para o FC Porto. Ficou muito feliz por mim, pois sempre me disse que sou um central à Porto. Aprendi muito com ele, dentro e fora do campo”, assinalou Fábio Cardoso, que jogou com o internacional português nos escoceses do Rangers.

O central encontrará Pepe, outra referência na defesa portista, com quem Fábio Cardoso diz estar preparado para aprender.

“Vou poder aprender com ele. Ainda é um dos melhores centrais do mundo e é uma referência para mim, por isso vou tentar aprender o máximo possível. O FC Porto sempre teve grandes centrais na sua história e eu quero ser mais um”, disse ainda.

Do percurso enquanto jogador lembrou também a formação no Benfica, clube a que chegou ainda infantil e no qual se manteve até subir aos seniores, embora nunca tenha jogado pela equipa principal.

“Fiz a minha formação no Benfica, é verdade, e sou muito grato ao clube por me ter formado, mas depois segui o meu caminho. Penso que chego ao FC Porto na melhor fase da minha carreira, por isso quero afirmar-me aqui, ser feliz aqui, e sei que o vou ser”, sublinhou.

O central, então com 21 anos, deixou o Benfica a meio da época 2014/15, emprestado em janeiro ao Paços de Ferreira, no qual se manteve na época seguinte, até deixar em definitivo as «águias», para assinar pelo Vitória de Setúbal, em 2016/17.

Depois de uma época nos «sadinos», rumou ao Rangers, em 2017/18, mas regressou na seguinte a Portugal, para jogar nas três últimas temporadas no Santa Clara.

Sem comentários

deixar um comentário