08 Dezembro 2022, 16:24

«Festa da Cebola» está de volta a Vilar do Andorinho em Gaia

Inês Duarte Administrator

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

Arranca hoje a «Festa da Cebola», depois de dois anos de interregno. Até ao próximo domingo, dia 11, a Rua do Pavilhão, em Vilar do Andorinho, vai encher-se de música e animação.

«Os mareantes do rio douro» estreiam o palco destinado ao evento, que conta com concertos de Saúl, «Hotroom-HR», Banda R, Rebeca e com a participação de grupos de dança.

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



“Temos um cartaz com cantores bastante conhecidos, que favorecem um aumento da adesão do público à festa”, garante, ao Mundo Atual, o presidente da Junta de Freguesia, Serafim Teixeira, acrescentando que “as pessoas e as coletividades, precisam destes convívios” e que são motivo maior desta aposta.

Além dos momentos musicais e de convívio, a «Festa da Cebola» tem procurado perpetuar “a grande tradição agrícola” que “ficou na memória das pessoas e no símbolo da junta de freguesia”, refere.

No passado, “a freguesia era ladeada por grandes terrenos e quintas, com importantes cultivos de legumes, milho e, essencialmente, cebolas”, recorda.

“A nossa freguesia era muito rural. Havia muita agricultura e produzia-se muita cebola para Inglaterra e outros lados”, rematou Serafim Teixeira.

Programa da Festa da Cebola 22

Tags

Sem comentários

deixar um comentário