20 Agosto 2022, 03:57

Filarmónica de Nova Iorque estreia em março peça da compositora Andreia Pinto Correia

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Lisboa, 17 fev 2022 (Lusa) — A Orquestra Filarmónica de Nova Iorque vai estrear em março, nos Estados Unidos, a obra “Os pássaros da noite”, da compositora portuguesa Andreia Pinto Correia, sob a direção do maestro Gustavo Dudamel.


De acordo com informação na página da orquestra, a peça foi encomendada à compositora portuguesa para um ciclo dedicado a Robert Schumann, que decorrerá em março no Rose Theater, em Nova Iorque.


O ciclo, intitulado “The Schumann Connection”, vai explorar a relação entre os pianistas alemães Robert e Clara Schumann, e o programa contará com a interpretação de obras de ambos, do período romântico, cruzando-se com peças contemporâneas, nomeadamente de compositores como Andreia Pinto Correia, Nico Muhly e Gabriela Ortiz.


Segundo a orquestra norte-americana, Andreia Pinto Correia imaginou o título da obra “Os pássaros da noite” a partir de uma carta que Robert Shumann escreveu ao amigo Johann Verhulst: “De vez em quando, os pássaros melancólicos da noite ainda voam à minha volta, mas a música pode afastá-los”.


“Ao longo da peça, Pinto Correia encontra formas de transmitir mensagens codificadas, semelhantes às que Robert e Clara trocavam entre si nas suas próprias composições”, descreveu a orquestra.


“Os pássaros da noite” estrear-se-á em três datas, de 17 a 19 de março, nas quais a Orquestra Filarmónica de Nova Iorque, com direção do maestro venezuelano Gustavo Dudamel, interpretará ainda a terceira e quarta sinfonias de Robert Schumann.


Andreia Pinto Correia nasceu em Lisboa em 1971 e vive atualmente em Nova Iorque.


As suas composições têm sido apresentadas em vários palcos internacionais, nomeadamente nos Estados Unidos e na Europa, e interpretadas por formações como as orquestras sinfónicas de Berkleley e Minnesota, a Orquestra Gulbenkian e a Orquestra Metropolitana de Lisboa.


Em 2020, Andreia Pinto Correia foi distinguida pela Academia das Artes e das Letras dos Estados Unidos.


De acordo com o calendário de apresentações na página oficial da compositora, no próximo sábado verá a composição “Três poemas”, para duplo quinteto e sopros, ser interpretada pela Orquestra Metropolitana de Lisboa, num concerto na capital, sob a direção do maestro Pedro Neves.


No dia 21, o EnsembleSRQ interpretará a peça “Três quadros de Vieira da Silva/Fragmentos Múltiplos”, numa atuação em Sarasota, Florida, Estados Unidos.


Andreia Pinto Correia revela ainda que na temporada de 2022/2023 terá novas composições a estrearem-se pela Orquestra Sinfónica de São Paulo, no Brasil, e Orquestra Gulbenkian, e pelo quarteto norte-americano Brooklyn Rider.



SS // TDI


Lusa/fim

Sem comentários

deixar um comentário