08 Outubro 2022, 05:50

França sobreviveu à Turquia no primeiro jogo a eliminar do Eurobasket

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



A França qualificou-se hoje para os quartos de final do Europeu de basquetebol, ao vencer a Turquia por 87-86, no primeiro encontro a eliminar da prova, que teve praticamente perdido, em Berlim.

Com 12,2 segundos para jogar no tempo regulamentar, e após uma falta anti-desportiva de Timothe Luwawu-Cabarrot, os turcos, a liderar por 77-75, desperdiçaram dois lances livres, por Cedi Osman, e, na jogada seguinte, perderam a bola.

No seu último ataque, os gauleses ainda falharam, por Evan Fournier (13 pontos), valendo o ressalto ofensivo, complementado por um ‘afundanço’ do ‘gigante’ Rudy Gobert, que empatou o jogo, com pouco mais de dois segundos para jogar.

Bugrahan Tuncer ainda teve um ‘triplo’ para qualificar a Turquia, mas falhou e, no prolongamento, os franceses acabaram por se impor por um ponto, novamente com os turcos a desperdiçarem o último ataque.

Os gauleses passaram depois de estarem quase eliminados, num encontro em que dominaram na primeira parte, chegando a liderar por 16 pontos (31-15), para, depois terem enorme ‘apagão’ no terceiro período, sofrendo um parcial de 19-0.

Rudy Gobert, com 20 pontos e 17 ressaltos, liderou os franceses, enquanto Bugrahan Tuncer foi o melhor dos turcos, com 22 pontos, incluindo seis ‘triplos’.

Sem comentários

deixar um comentário