20 Outubro 2021, 08:57

Gaia entre os concelhos de risco muito elevado

mundoatual AdministratorKeymaster

Depois de na semana passada ter passado a integrar os concelhos de risco elevado, Vila Nova de Gaia está agora entre os municípios em risco muito elevado, agravando-se também as medidas restritivas.

O número de concelhos da Área Metropolitana do Porto sob risco elevado ou muito elevado de incidência de Covid-19 mais do que duplicou numa semana, passando de cinco para 12.

Assim, a lista de municípios em risco muito elevado divulgada hoje pela ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, passou Vila Nova de Gaia e Matosinhos, que se juntam assim ao Porto e Santo Tirso, que na semana passada já estavam sujeitos às medidas mais restritivas no âmbito da pandemia.

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



Entre as novas regras para os concelhos de risco muito elevado, entre os quais está Vila Nova de Gaia, estão o teletrabalho obrigatório quando as funções o permitam e a possibilidade de restaurantes, cafés e pastelarias funcionarem até às 22h30 (no interior com o máximo de quatro pessoas por grupo e em esplanadas com o máximo de seis pessoas por grupo), com a particularidade de que às sextas-feiras, a partir das 19h00, e aos sábados, domingos e feriados durante todo o horário de funcionamento, o acesso a restaurantes para serviço de refeições no interior está permitido apenas aos portadores de certificado digital ou teste negativo.

Espetáculos culturais até às 22h30; ginásios sem aulas de grupo; casamentos e batizados com 25% da lotação; funcionamento de comércio a retalho alimentar até às 21h00 durante a semana e até às 19h00 ao fim de semana e feriados, e comércio a retalho não alimentar até às 21h00 durante a semana e até às 15h30 ao fim de semana e feriados são outras das medidas a aplicar a este grupo de municípios.

O nível de risco muito elevado é aplicado aos concelhos que registem, pela segunda avaliação consecutiva, uma taxa de incidência de covid-19 superior a 240 casos por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias (ou superior a 480 se forem concelhos de baixa densidade populacional).

Sem comentários

deixar um comentário