08 Setembro 2022, 13:45

Gaia quer “informar e formar” cuidadores em paliativos

Filipa Júlio Administrator

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

O Município de Gaia vai propor, esta segunda-feira, em reunião pública, uma parceria com a Associação «Com Paixão por Gaia», tendo em vista a consciencialização da sociedade para a importância dos cuidados paliativos.

O objetivo é promover a capacitação de cuidadores informais para que apoiem “o doente, e os seus familiares, a lidar com a doença avançada e prolongada, a enfrentar a reta final de vida e a morte”, informou o município.

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



A autarquia considera importante a integração destes cuidadores “numa rede criativa, inovadora e potenciadora de melhores resultados, em articulação com os prestadores de cuidados de saúde” e defende “o estabelecimento de parcerias para uma resposta social conjugada e integrada”.

Informar e formar são duas das linhas orientadoras deste projeto, onde é pretendido “capacitar o cuidador, através de formações básicas e capacitações práticas em cuidados paliativos”, orientadas pela Equipa Comunitária de Suporte em Cuidados Paliativos de Gaia.

O município de Gaia manifesta ainda a intenção de incluir o movimento «Gaia Compassiva» na rede social do concelho, nomeadamente no Programa GaiaCuidador, na Rede Local de Voluntariado, na Estratégia Municipal para um Voluntariado Inteligente e Organizado (EMVIO) e no Plano Municipal de Saúde.

“O movimento será ainda divulgado nas estruturas residenciais para idosos, centros de dia e unidades e associações de apoio à multideficiência”, acrescenta a autarquia.

Tags

Sem comentários

deixar um comentário