03 Dezembro 2021, 01:57

Geopark Naturtejo promove Festival da Paisagem

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Castelo Branco, 18 mai 2021 (Lusa) – O Geopark Naturtejo promove, de sábado e até 06 de junho, o Festival da Paisagem, iniciativa que inclui a realização de diversas atividades de ciência e de arte nos sete concelhos que o integram.


Em comunicado hoje enviado à agência Lusa, o Geopark Naturtejo refere que o Festival da Paisagem “integra a Semana Europeia de Geoparques, que decorre em 81 geoparques UNESCO espalhados por 26 países”.


“São diversas as atividades de ciência e arte oferecidas nas imensas paisagens deslumbrantes entre os rios Zêzere e Tejo, até à fronteira. Desporto de aventura e muito conhecimento em liberdade pela natureza são as propostas oferecidas em Castelo Branco, Idanha-a-Nova, Nisa, Oleiros, Penamacor, Proença-a-Nova e Vila Velha de Ródão, assim como por diversos canais da internet, ao mundo”, lê-se na nota.


O programa do Festival da Paisagem tem início no Dia Internacional da Biodiversidade, 22 de maio, no sábado, com a realização do III BioDivSummit em Proença-a-Nova.


Este ano o evento é dedicado à economia viva, potenciando uma reflexão em torno da proteção e valorização do território, da produção biológica e da reengenharia de processos.


Durante o fim de semana (22 e 23 de maio), decorre ainda uma ação de formação acreditada para professores, organizada pelo Departamento de Ciências da Terra da Universidade de Coimbra e pelo Geopark Naturtejo.


“À Descoberta da Geo-história dos últimos 600 milhões de anos na Beira Baixa” é o tema desta formação, que irá percorrer alguns dos mais importantes geomonumentos deste território reconhecido pela UNESCO, nomeadamente o Monumento Natural das Portas de Ródão, Parque do Barrocal de Castelo Branco, Termas de Monfortinho, Parque Icnológico de Penha Garcia e do Monte-Ilha de Monsanto.


No dia 25, inicia-se a formação executiva em Geoturismo nos Geoparques UNESCO em Portugal, uma iniciativa do Turismo de Portugal e dos Geoparques portugueses.


Ainda nesse dia, tem início um congresso internacional dedicado ao megalitismo, evento que conta com a presença de investigadores de todo o mundo, especialistas neste tipo de construções com mais de 5.000 anos, que se distribuem da Europa mediterrânica e central até à Ásia.


Já no dia 27, os parceiros do projecto “UNESCO GEOfood”, entre os quais se inclui o Geopark Naturtejo, realizam o seu seminário de apresentação ‘GEOfood para o Desenvolvimento Sustentável nos Geoparques Mundiais da UNESCO’.


No fim de semana de 29 e 30, decorre mais uma ação de formação para professores sob o tema “Nas Terras do Lince – Geodiversidade de Penamacor”, numa organização conjunta da Câmara de Penamacor, Geopark Naturtejo e os “Geoapanhados”, um grupo que se dedica às descobertas geológicas.


Na celebração do Dia Internacional da Criança, o município de Oleiros convida os mais jovens para o “Eu vivo num Geopark”.


Já em 04 de junho, tem início a primeira etapa da “Aldeia do Xisto MTB Trophy 2021”, num percurso circular de BTT pelas mais belas paisagens do concelho de Oleiros.


A fechar a edição deste ano do Festival da Paisagem Geopark Naturtejo, no Dia Internacional do Meio Ambiente, 05 de junho, será inaugurada a obra “A Menina dos Medos” no meio do rio Ocreza, em pleno geomonumento das Portas de Almourão.


Esta é uma organização do município de Proença-a-Nova.


Durante o Festival da Paisagem, os visitantes podem ainda visitar duas exposições em Proença-a-Nova: Uma de Rochas e Minerais patente no Centro Ciência Viva da Floresta, e outra, a mostra de escultura pública e intervenções efémeras na paisagem realizadas pela Faculdade de Belas-Artes no concelho de Proença-a-Nova, patente na galeria municipal.


O Geopark Naturtejo da Meseta Meridional, que integra a rede mundial da UNESCO, inclui os concelhos de Castelo Branco, Idanha-a-Nova, Nisa, Oleiros, Penamacor, Proença-a-Nova e Vila Velha de Ródão.



CCC // SSS


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário