27 Janeiro 2022, 09:17

Governo de Israel anuncia reforço de segurança policial para evitar novos ataques

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Jerusalém, 21 nov (Lusa) – O primeiro-ministro de Israel anunciou um reforço policial na Cidade Velha de Jerusalém Oriental ocupada, após o ataque de um palestiniano que hoje de manhã matou um civil israelita e feriu outro.


“Ordenei às forças de segurança que se preparassem e que fiquem em alerta” face a possíveis novos ataques, adiantou Naftali Benet citado pela agência EFE, após o segundo incidente em menos de uma semana.


Fadi Abu Shekheidem, um palestiniano de 42 anos do campo de refugiados de Shuafat e identificado como membro do movimento radical islâmico Hamas, disparou hoje de manhã no centro da cidade contra várias pessoas, provocando um morto e cinco feridos, incluindo um civil de 26 anos, que permanece hospitalizado.


Os três feridos considerados mais ligeiros são um civil e dois polícias e o agressor foi “neutralizado” – termo utilizado pelas autoridades para referir que foi abatido – pela polícia israelita no local, próximo da Esplanada das Mesquitas.


O ministro da Segurança Pública de Israel, Omer Bar Lev, adiantou ao Canal 12 que Shekheidem era um conhecido membro do Hamas e que a sua mulher tinha deixado o país há três dias, o que poderá significar que o “ataque foi planeado”.


Os movimentos Hamas e Jihad Islâmica saudaram o ataque.


“Esta Cidade Santa continuará a lutar até expulsar o ocupante estrangeiro e não sucumbirá à odiosa realidade da ocupação”, disse o porta-voz do Hamas Hazem Qassem.


Este é o segundo incidente do género em menos de uma semana dentro da cidade murada de Jerusalém Oriental ocupada, um dos pontos mais quentes do conflito entre palestinianos e israelitas.


Na quarta-feira passada, dois oficiais israelitas foram feridos com facas por um palestiniano de 16 anos de um bairro de Jerusalém Oriental, que acabou por ser baleado e morto durante o ataque, por oficiais e um guarda de segurança.


PC (AL) // MDR


Lusa/Fim


 

Sem comentários

deixar um comentário