04 Julho 2022, 01:12

Governo: IL critica falta de reformas no programa do “agora é que vai ser”

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Lisboa, 07 abr 2022 (Lusa) — A Iniciativa Liberal criticou hoje a falta de reformas no Programa do Governo, que deveria designar-se “agora é que vai ser”, respondendo o primeiro-ministro que o problema dos liberais é o seu produto apesar da “comunicação excelente”.


O presidente da Iniciativa Liberal, João Cotrim Figueiredo, fez hoje a primeira interpelação pelo partido ao primeiro-ministro, António Costa, durante o debate do Programa do Governo que decorre até sexta-feira no parlamento.


“Arranjei um excelente subtítulo para o seu programa do Governo: ‘agora é que vai ser'”, ironizou o liberal logo no arranque do debate.


Cotrim Figueiredo criticou a ausência de reformas na saúde, na educação ou na justiça no Programa de Governo apresentado pelo executivo de António Costa, considerando que é um documento estratégico que “põe Estado em todo o lado e não o tira de lado nenhum”.


Na resposta, António Costa admitiu que há um ponto em que Cotrim Figueiredo “está certo”.


“Eu reconheço a sua crença quase ilimitada no poder da comunicação política, acreditando que a Coca-Cola é boa porque a publicidade da Coca-Cola é boa. Não. A Coca-Cola é boa porque é boa, a comunicação até podia ser má. O que acontece com a IL é a mesma coisa. A comunicação é excelente, o problema é mesmo a Coca-Cola, é mesmo o produto da IL. É mesmo esse o problema que temos com a IL”, ironizou.


Quanto à pergunta sobre reformas, o primeiro-ministro garantiu que, se o líder liberal ler o programa com um “bocadinho de atenção”, vai encontrar reformas em áreas como a educação e a saúde, por exemplo.



JF // JPS


Lusa/fim

Sem comentários

deixar um comentário