03 Janeiro 2023, 12:36

Governo mantém apoio ao gasóleo agrícola em setembro

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



O Governo anunciou hoje que vai manter a redução de seis cêntimos por litro aplicável ao gasóleo verde, usado na agricultura, aquicultura e pescas, até 02 de outubro.

O Ministério da Agricultura e da Alimentação informou, em comunicado, que “foi publicada a portaria que determina a renovação para o mês de setembro, da manutenção da redução temporária da taxa unitária do ISP [imposto sobre produtos petrolíferos] aplicável ao gasóleo colorido e marcado, com aplicações no setor primário, nomeadamente na agricultura, aquicultura e pescas”.

Desta forma, prorroga-se a vigência da portaria de 30 de junho, mantendo uma redução de seis cêntimos por litro naquele combustível.

“Esta portaria entra em vigor no dia 01 de setembro de 2022 e produz efeitos até dia 02 de outubro de 2022, sem prejuízo de nova avaliação no decurso do próximo mês em função da evolução dos preços”, acrescentou o Ministério liderado por Maria do Céu Antunes.

O Governo anunciou, em 01 de julho, que, no âmbito das medidas para mitigar a subida do preço dos combustíveis, o desconto aplicado ao gasóleo agrícola passava de 3,4 para seis cêntimos por litro.

Sem comentários

deixar um comentário