24 Outubro 2021, 15:43

Governo moçambicano aprova revisão da lei de eletricidade

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Maputo, 28 set 2021 (Lusa) — O Conselho de Ministros de Moçambique aprovou hoje a revisão da lei de eletricidade para adequá-la aos novos desafios, visando abrir espaço para a adoção de “todo o tipo de fontes energéticas” para que se atinja o acesso universal no país.


“A revisão visa adequar a lei a dinâmica e aos desafios do acesso universal a energia de qualidade e fiável com recurso a todas as fontes energéticas”, declarou o porta-voz do Governo moçambicano, Filimão Suaze.


Aquele responsável falava à comunicação social, momentos após a 33ª sessão ordinária do Conselho de Ministros na Presidência da República, em Maputo.


Segundo o porta-voz do Governo moçambicano, a revisão da lei, que deverá ser submetida ao parlamento moçambicano nos próximos dias, vai dar prioridade a utilização de fontes de energia renováveis.


“A lei aplica-se à produção, armazenamento, transporte, distribuição e comercialização de energia elétrica no país, bem como sua exportação e importação”, declarou Filimão Suaze.


O Governo moçambicano pretende atingir dois milhões de novas ligações até 2024, beneficiando mais de 10 milhões de pessoas, elevando de 34% para 64% a população (30 milhões de habitantes) com energia em casa.



EYAC // PJA


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário