06 Julho 2022, 23:47

Governo queniano apresenta orçamento de 26 mil milhões de euros para relançar economia pós-covid-19

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Nairobi, 07 abr 2022 (Lusa) — O Ministério das Finanças do Quénia apresentou hoje um orçamento de 28 mil milhões de dólares (26 mil milhões de euros) para relançar uma economia minada pelo desaparecimento de centenas de milhares de empregos devido à doença covid-19.


O orçamento 2022-2023, anunciado quatro meses antes das eleições nacionais, também inclui investimento multibilionários em projetos de infraestruturas promovidos pelo Presidente Uhuru Kenyatta, financiados principalmente pela China.


Este orçamento visa “colocar a economia numa trajetória de crescimento mais sustentável”, disse no parlamento o secretário do Tesouro, Ukur Yatani.


Segundo o governante, a economia queniana deve crescer 6% este ano, face aos 7,6% no ano homólogo.


Em 2020, o Produto Interno Bruto recuou 0,3%, o primeiro saldo negativo desde 1992.


O orçamento de 26 mil milhões de euros ilustra bem o dilema que o governo enfrenta, entre aumentar o poder de compra dos quenianos e socorrer os cofres do Estado através da cobrança de impostos.


Assim, Yatani planeia reduzir o défice para 6,2% do PIB, contra 7,5% no ano passado.


Se o orçamento for aprovado pelo parlamento, o governo também destinará 1,1 mil milhões de euros para o programa “Big Four”, que estabelece quatro prioridades para o país: saúde, habitação, segurança e desenvolvimento industrial.


O Quénia foi duramente atingido pela pandemia de covid-19, que reduziu a receita do turismo, motor da economia.


Em 2020, mais de 700.000 pessoas perderam os empregos e os quenianos ainda têm de fazer face a preços altos para bens de consumo diários, como alimentos ou combustível, enquanto a seca atinge várias regiões do país.


Este é o último orçamento apresentado sob a Presidência de Kenyatta, que está no segundo e último mandato presidencial, conforme estipula a Constituição do Quénia.



EL // JH


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário