17 Outubro 2021, 17:21

Hotel Hilton Garden Inn vai nascer em Évora num investimento de 21ME

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Um novo hotel vai «nascer» em Évora, o Hilton Garden Inn, previsto estar concluído no próximo ano, num projeto do Grupo Mercan, que envolve um investimento de 21 milhões de euros.

O arranque simbólico da construção da unidade hoteleira teve lugar ontem, com o lançamento da primeira pedra, disse hoje o Grupo Mercan, que prevê que a edificação do hotel esteja concluída “em 2022”.

O Hilton Garden Inn Évora, que vai ficar localizado junto ao Rossio de São Brás, “a menos de 10 minutos do centro histórico” da cidade alentejana, é um projeto da Mercan, grupo baseado no Canadá, numa parceria com o RA Group – Referência Arrojada Group.

“Évora tem um enorme potencial como destino turístico, tanto para portugueses como para estrangeiros”, salientou o vice-presidente do Grupo Mercan, Jordi Vilanova.

Segundo o responsável, este novo projeto “é reflexo da confiança que os investidores internacionais mantêm em Portugal e que vai além do foco nas grandes metrópoles”, pois, só para o hotel em Évora, os promotores contam “com 75 investidores estrangeiros”.

A unidade, com uma área superior a oito mil metros quadrados, vai dispor de 130 quartos e piscina exterior na cobertura, com bar e esplanada.

Um restaurante, ginásio e uma sala de reuniões com capacidade para até 130 pessoas são outras das valências do projeto.

De acordo com o grupo promotor, o hotel “vai criar 95 postos de trabalho diretos quando estiver operacional”, sendo que, nesta primeira fase, relativa à construção, vai envolver “80 trabalhadores permanentes”.

“Perto do centro de Évora e dos principais pontos históricos da cidade, o hotel irá destacar-se pela atmosfera vibrante, moderna e sofisticada onde o espaço exterior se conjuga com os detalhes engenhosos da arquitetura e com uma decoração acolhedora no interior, com o objetivo de criar uma experiência única a quem o visita”, afirmou a Mercan.

O projeto arquitetónico tem a assinatura de Rui Silva Russo, Atelier de Arquitetura e os interiores serão desenvolvidos pelo estúdio Nano Design. A gestão do projeto ficará a cargo da Engexpor, enquanto os trabalhos de construção são da responsabilidade da Tecniarte.

Este é o segundo projeto que o Grupo Mercan e a RA Group anunciam este ano, pois o arranque simbólico da construção do hotel em Évora acontece “uma semana depois do lançamento da primeira pedra” do Renaissance Park Hotel — Porto, num investimento de 56 milhões de euros.

Sem comentários

deixar um comentário