04 Dezembro 2021, 05:35

Juventus impõe-se ao Inter com golo de Ronaldo e mantém-se na luta pelo ‘top-4’

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Redação, 15 mai 2021 (Lusa) — O português Cristiano Ronaldo contribuiu hoje com um golo para a vitória da Juventus sobre o líder e já campeão de Inter Milão (3-2), no jogo ‘grande’ da 37.ª e penúltima jornada da Liga italiana de futebol.


O internacional luso abriu o marcador aos 24 minutos, numa recarga a um penálti defendido por Handanovic, e consolidou a liderança da lista dos melhores marcadores da Serie A, com 29 tentos, mais seis do que o Romelu Lukaku (23).


Foi precisamente o avançado belga que repôs a igualdade, aos 35 minutos, antes de o colombiano Juan Cuadrado atirar uma ‘bomba’ e dar nova vantagem aos ‘bianconeri’ em cima do intervalo, aos 45+3.


Além da expulsão de Rodrigo Bentancur, a Juventus ainda teve de fazer face ao autogolo de Giorgio Chiellini, que empatou o encontro, aos 83 minutos, mas, ainda assim, não se coibiu de ir atrás do triunfo e conseguiu mesmo garanti-lo, graças ao ‘bis’ de Cuadrado, de penálti, aos 88, num altura em que Ronaldo já tinha sido substituído.


O Inter Milão, que ainda viu Brozovic ser expulso em tempo de compensação, viu chegar ao fim uma série de 20 jogos sem perder, liderando a Serie A com 88 pontos, enquanto a Juventus subiu provisoriamente ao quarto posto, com 75, os mesmos do AC Milan, terceiro e que joga no domingo, e mais dois do que o Nápoles, que tem menos um jogo.


Na segunda posição segue a Atalanta, com 78 pontos, que hoje venceu por 4-3 em Génova e assegurou uma vaga na Liga dos Campeões da próxima temporada.


Duván Zapata (nove minutos), Ruslan Malinovsky (26), Robin Gosens (44) e Mario Pasalic (51) marcaram os golos da formação de Bérgamo, enquanto Eldor Shomurodov (48 e 84) e Goran Pandev ‘faturaram’ para os genoveses.


Com este triunfo, a Atalanta, que tem o melhor registo ofensivo da Serie A, com 90 golos, já garantiu um lugar na Liga dos Campeões da próxima temporada, naquela que será a terceira presença consecutiva do conjunto orientado por Gian Piero Gasperini.


Por seu lado, o Spezia assegurou a permanência na Serie A, ao impor-se por claros 4-1 na receção ao Torino, que falhou o mesmo objetivo e continua em 17.º lugar, quatro pontos acima da zona de despromoção, embora tenha um jogo em atraso.


Riccardo Saponara, M’Bala Nzola (por duas vezes) e Martin Erlic assinaram os golos do Spezia, enquanto Andrea Belotti marcou o único tento da formação de Turim.



MO // JP


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário