30 Novembro 2021, 02:01

Marcelo considera “especulação sem o mínimo de fundamento” Costa sair para cargo europeu

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Lisboa, 21 mai 2021 (Lusa) – O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, considerou hoje “uma especulação sem o mínimo de fundamento” a hipótese de António Costa sair das funções de primeiro-ministro a meio desta legislatura para assumir um cargo europeu.


O chefe de Estado, que falava no programa da Antena 1 “Geometria variável”, afirmou ainda a este propósito que o primeiro-ministro e secretário-geral do PS “é protagonista cimeiro de um projeto que assumiu perante o país, por uma legislatura”, e defendeu que “deve assumi-lo”.


Neste programa da jornalista Maria Flor Pedroso, questionado se não receia que António Costa se vá embora para a Europa antes do fim da legislatura, Marcelo Rebelo de Sousa começou por retorquir: “Vai para a Europa como?”.


“Não sei como é que vai para a Europa. O primeiro-ministro está a pleitear, a defender um plano plurianual, tem repetido como é importante o cumprimento da legislatura. É fundamental a estabilidade e o cumprimento da legislatura também por razões europeias e, portanto, não vejo. Todas as especulações podem ser feitas e imaginadas. Mas essa aí parece uma especulação sem o mínimo de fundamento”, acrescentou.



IEL // ACL


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário