18 Outubro 2021, 15:34

Marcelo defende tratado global contra as pandemias e reforma da OMS

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

 Newark, Estados Unidos da América, 18 set 2021 (Lusa) — O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, defendeu hoje que é urgente aprovar um tratado global contra as pandemias e reformar a Organização Mundial da Saúde (OMS), num quadro de reforço do diálogo e organizações globais.


O chefe de Estado transmitiu esta posição aos jornalistas no final de uma visita ao centenário Sport Club Português, em Newark, Nova Jérsia, que realizou logo após a sua chegada aos Estados Unidos da América.


Questionado sobre a intervenção que fará na terça-feira na 76.ª sessão da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova Iorque, Marcelo Rebelo de Sousa respondeu que tenciona “chamar a atenção para os problemas que hoje se vivem no mundo: a pandemia, por um lado, a crise económica e social, por outro, e a situação geopolítica”.


“Veja-se o que aconteceu na sequência da saída do Afeganistão e as movimentações que há geoestratégicas”, referiu.


Segundo o Presidente da República, “tudo isso implica um reforço das organizações internacionais, uma capacidade de diálogo”.


“Isso hoje é urgente, porque temos de prevenir novas pandemias com um tratado global contra as pandemias, temos de reforçar e reformar a OMS, o que significa dar mais peso às Nações Unidas e organizações mundiais. Temos, em termos de clima, de ir mais longe, porque tudo está ligado com tudo”, acrescentou.


IEL // JMR


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário