08 Dezembro 2021, 16:11

Marco de Canaveses inaugura espaço cultural que custou 1,5 milhões de euros

mundoatual AdministratorKeymaster

A Câmara de Marco de Canaveses vai inaugurar um novo equipamento cultural do concelho nos próximos dias 6 e 7 de maio, que representa um investimento de cerca de 1,5 milhões de euros e surge para oferecer à população “um espaço moderno e adequado para vários tipos de acontecimentos”.

A autarquia informou que o projeto que deu origem ao novo espaço denominado de «Emergente – Centro Cultural» passou pela reconversão daquele que era o antigo cineteatro e quartel dos bombeiros.

O edifício acolhe a Biblioteca Municipal Poeta Joaquim Monteiro, integrando espaços de estudos e pedagógicos, encontrando-se essa área em funcionamento desde 11 de dezembro de 2020.

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



O programa da inauguração propõe às 20 horas do dia 6 de maio o lançamento do livro «Emergência366». Às 21h15 estreará a sala de espetáculos com um concerto da Orquestra do Norte, dirigida pelo maestro Diogo Costa, que oferecerá peças de Mozart e de Elgar.

No dia seguinte, 7 de maio, haverá mais um concerto, às 21 horas, desta vez de Manel Cruz, que regressa aos palcos depois de um hiato musical, com o trabalho «Vida Nova».

A presidente de Câmara, Cristina Vieira, explicou que com o desconfinamento gradual e a possibilidade de realização de alguns espetáculos culturais, entendeu que era a altura de abrir este espaço à comunidade.

“O Emergente representa um novo ciclo na cultura que há muito tempo o Marco de Canaveses ambicionava. Contamos aqui realizar espetáculos e iniciativas que vão ao encontro das expectativas dos marcuenses e oferecer um palco privilegiado às nossas associações culturais”, sublinha Cristina Vieira.

Sem comentários

deixar um comentário