03 Dezembro 2021, 03:34

Mostra de Teatro de Almada assinala 25 edições com mais de 30 espetáculos

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Lisboa, 21 out 2021 (Lusa) – Mais de 30 espetáculos, por 25 grupos de teatro amadores e profissionais, de Almada, Seixal, Lisboa e Cascais, preenchem o programa da 25.ª Mostra de Teatro de Almada, a decorrer neste concelho, a partir de dia 29.


Uma conversa debate sobre as 25 edições do festival, a projeção de filmes e uma exposição documental são também propostas da iniciativa, que termina em 28 de novembro, e que será realizada em dez espaços culturais do concelho.


Um apontamento musical, na sala de cinema da Academia Almadense, e a representação de “Sombrios”, uma peça a estrear pela associação cultural Alpha Teatro, no auditório Osvaldo Azinheira, na mesma academia, abrem, dia 29, o certame.


Entre as estreias da mostra constam peças como “Dias felizes”, de Samuel Beckett, pelo Grupo de Iniciação Teatral da Trafaria, nos dias 06 e 07 de novembro, “Alma épica”, pelo Grupo de Teatro da Gandaia, no auditório deste grupo na Costa de Caparica, e “Moonstros”, pelas Produções Acidentais, no Teatro-Estúdio António Assunção, em 12 e 14 de novembro, respetivamente.


“Intemporais”, pelo Grupo de Teatro da Gandaia, “O farol”, pelo Lagarto Amarelo, “A nossa realidade”, pela companhia de teatro E Tal, “O aviador e a rosa”, pela companhia Crème de la Creme, e “Graça, a fada enfadada”, pelo Cénico da Incrível Almadense, são também estreias da mostra, segundo a programação a que a Lusa teve acesso.


“O aquário”, pela associação cultural Teatro & Teatro, seguida de “Nos tempos da Severa”, pelo grupo TKM da Universidade Sénior D. Sancho I de Almada, no auditório Fernando Lopes-Graça, são os espetáculos em estreia que encerram o programa da mostra.


Uma exposição fotográfica documental sobre os dez anos da Atos Urbanos – associação cultural “O mundo do espetáculo” – e um encontro-debate sobre as 25 edições da mostra, a realizar no Fórum Municipal Romeu Correia, em Almada, constam das atividades complementares da iniciativa.


Convento dos Capuchos, Ponto de Encontro — Casa Municipal da Juventude, Recreios Desportivos da Trafaria e sala de ensaios do Teatro Municipal Joaquim Benite constam dos dos espaços onde decorre a mostra, iniciativa organizada pelos grupos de teatro do concelho de Almada e pela autarquia local.



CP // MAG


Lusa/fim

Sem comentários

deixar um comentário