03 Julho 2022, 17:12

Mundial2022: Portistas Diogo Costa e Otávio são surpresas no ‘onze’ luso

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Porto, 24 mar 2022 (Lusa) — O guarda-redes Diogo Costa e o médio Otávio são as grandes surpresas no ‘onze’ da seleção portuguesa de futebol para o encontro de hoje com a Turquia, dos ‘play-offs’ europeus de apuramento para o Mundial2022.


No Estádio do Dragão, no Porto, Diogo Costa cumpre apenas a segunda internacionalização ‘AA’, depois de ter sido titular no particular com o Qatar (3-0, em 09 de outubro de 2021), e Otávio a terceira, após ter defrontado Qatar (jogou os 90 minutos e marcou) e Azerbaijão (entrou aos 78), em setembro de 2021.


Além dos dois ‘dragões’, também Diogo Dalot, Raphaël Guerreiro e Bruno Fernandes são novidades na equipa titular lusa, em relação ao desaire por 2-1 com a Sérvia, em 14 de novembro de 2021.


Para a entrada deste quinteto, saem Rui Patrício e Nuno Mendes, relegados para o banco, o castigado João Cancelo e os lesionados Rúben Dias e Renato Sanches, que não foram convocados, sendo que o médio teria de cumprir, de qualquer forma, um jogo de castigo.


O selecionador luso, Fernando Santos, mudou cinco jogadores no ‘onze’, sendo que Danilo Pereira ‘desce’ do meio-campo para o centro da defesa, tendo em conta que Pepe volta a estar indisponível, desta vez por um positivo à covid-19.


Desta forma, Portugal vai começar com um quarteto defensivo composto por Diogo Dalot, Danilo Pereira, José Fonte e Raphaël Guerreiro, à frente de Diogo Costa.


No meio-campo, vão estar João Moutinho, Otávio, Bruno Fernandes e Bernardo Silva, que também poderá ser o terceiro elemento do ataque, juntamente com Diogo Jota e o ‘capitão’ Cristiano Ronaldo.


Portugal e Turquia jogam hoje, a partir das 19:45, no Estádio do Dragão, no Porto, em encontro das meias-finais do caminho C dos ‘play-offs’ europeus de acesso à fase final do Mundial2022, que será dirigido pelo alemão Daniel Siebert.


Quem vencer este duelo recebe, na terça-feira, o vencedor do embate entre Itália e Macedónia do Norte, que também se defrontam hoje, em Palermo. Se Portugal passar, volta a ser anfitrião no Dragão.


A formação das ‘quinas’ procura a oitava presença em Mundiais, e quinta consecutiva, depois de 1966, 1986, 2002, 2006, 2010, 2014 e 2018, enquanto os turcos tentam apenas a terceira, após 1954 e 2002.



PFO // PFO


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário