04 Julho 2022, 00:43

Município de Fafe apoia iniciativa «Volta ao mundo com Parkinson»

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

O Município de Fafe associa-se à campanha PKS CAUSE «Volta ao Mundo com Parkinson» promovida pela Associação Contratempo Invertido Parkinson Portugal (ACIPP). Trata-se de uma iniciativa de Ricardo Oliveira, fafense, ex-piloto de ralis, que foi recentemente diagnosticado com doença.

Ricardo Oliveira está prestes a iniciar uma aventura pelo mundo, ao volante da carrinha «VanBora». A viagem, de duração estimada entre 2022 e 2026, visa divulgar a doença de Parkinson, promover diagnósticos precoces, consciencializar para a doença e angariar fundos para estudos e novos tratamentos.

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



Antecedendo a partida oficial, realiza-se neste sábado, 9 de abril, na Arcada, junto ao Club Fafense, um conjunto de atividades que incluem um passeio de moto por Fafe (com regresso ao final da manhã ao mesmo local).

Durante o período da tarde, estará em exposição a carrinha «VanBora», adaptada para a realização da viagem.

O projeto da viagem será apresentado às 18 horas, seguindo-se um jantar com música ao vivo no Club Fafense.

O périplo pelo mundo será documentado através de um diário de bordo, com a intenção de lançar um livro no final da mesma, através de testemunhos reais de um portador da doença.

Sem comentários

deixar um comentário