15 Maio 2022, 10:30

Nove mortos em naufrágio de barco com imigrantes no Líbano

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Beirute, 24 abr 2022 (Lusa) – Nove corpos, entre os quais o de uma criança, foram resgatados, após o naufrágio no sábado de um barco que transportava cerca de 60 migrantes ao largo da costa do Líbano, anunciou hoje a agência de notícias nacional (ANI).


O exército resgatou hoje oito corpos de imigrantes afogados depois de já ter retirado o corpo de uma menina no sábado, elevando para nove o número de mortes no naufrágio, de acordo com dados provisórios citados pela agência francesa AFP.


Segundo as autoridades, 45 pessoas foram resgatadas após o naufrágio do barco que transportava cerca de 60 migrantes cuja nacionalidade não foi especificada.


A Agência Nacional de Notícias disse que os oito corpos foram encontrados perto de uma pequena ilha ao largo da costa da cidade de Trípoli.


O exército disse que vários dos resgatados foram tratados no local, enquanto outros foram levados para hospitais próximos. Uma pessoa foi detida por suspeita de ter enviado os migrantes, informou o exército, citado pela agência de notícias AP.


O gabinete do primeiro-ministro, Najib Mikati, informou no sábado que o barco se virou pouco depois de partir de Qalamoun, perto de Tripoli.


Durante muitos anos, o Líbano acolheu refugiados, mas desde o início do colapso económico, em outubro de 2019, milhares de pessoas abandonaram o país, em barcos, rumo à Europa.


O Líbano, uma pequena nação mediterrânea de seis milhões de pessoas, incluindo um milhão de refugiados sírios, enfrenta a pior crise económica da história moderna do país. A crise ’empurrou’ mais de três quatros da população do país para a pobreza.



HN (JRS) // ZO


Lusa/fim

Sem comentários

deixar um comentário