28 Outubro 2021, 00:06

Novo sismo de magnitude 5,3 e mais de 50 abalos secundários na ilha de Creta

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Um novo sismo de magnitude 5,3 na escala Richter abalou hoje a ilha grega de Creta, após uma noite com dezenas de réplicas secundárias que se seguiram ao terramoto que causou ontem um morto e 35 feridos.

Desde ontem, quando foi registado o forte sismo com uma magnitude de 5,8, aquela área registou mais 50 abalos secundários, sempre superiores a uma magnitude 3.

O Instituto Geodinâmico do Observatório de Atenas informou hoje que o sismo ocorreu às 07h48, horário local (04h48 em Lisboa) e a 10,7 quilómetros de profundidade.

O epicentro do sismo foi localizado a 23 quilómetros a sudeste da capital de Creta, Heraklion.

Embora a Proteção Civil tenha dito hoje que o sismo de magnitude 5,8 foi provavelmente o principal terremoto, aconselhou os moradores a evitarem entrar em qualquer edifício que tenha sofrido danos, por menores que sejam.

Centenas de pessoas pernoitaram nas 80 tendas com capacidade para cerca de 20 pessoas que a Unidade Especial de Desastre (EMAK) e a Cruz Vermelha montaram numa esplanada frente ao Centro de Exposições Arkalojori, a área mais afetada, onde se registou a única vítima mortal.

A vítima, um homem de 62 anos, estava a fazer trabalho de restauração numa igreja que desabou.

Apesar do grave perigo de novos deslizamentos, muitos moradores preferiram dormir nos seus veículos ou nas praças locais, por medo de possíveis pilhagens, apesar de as autoridades terem reforçado a presença policial.

A Grécia é atravessada por falhas geológicas importantes e os terramotos são frequentes.

Em 30 de outubro de 2020, um sismo de magnitude 7,0 na escala de Richter sacudiu o Mar Egeu, entre a ilha grega de Samos e a cidade turca de Esmirna, matando duas pessoas em Samos e 114 na Turquia.

Tags

Sem comentários

deixar um comentário