04 Fevereiro 2023, 09:40

PJ detém homem suspeito de ameaçar matar o Presidente da República

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



A Polícia Judiciária (PJ) deteve hoje, em Lisboa, um homem suspeito de ameaçar matar o Presidente da República, confirmou à Lusa fonte do órgão de polícia criminal.

A informação foi avançada pela CNN Portugal, que refere que as ameaças a Marcelo Rebelo de Sousa surgiram em outubro, numa carta enviada para a Casa Civil em que alegadamente era exigido o pagamento de um milhão de euros para não matar o chefe de Estado — com indicação da conta bancária para onde deveria ser feita a transferência do dinheiro – e que incluía ainda uma bala.

Segundo a estação televisiva, a operação da PJ envolveu fortes medidas de segurança, uma vez que o suspeito detido terá antecedentes criminais associados a criminalidade violenta.

Sem comentários

deixar um comentário