25 Janeiro 2022, 11:50

Polícia anuncia maior apreensão de drogas psicotrópicas de sempre em Espanha

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Madrid, 12 jan 2022 (Lusa) – A polícia espanhola anunciou hoje a maior apreensão de drogas psicotrópicas de sempre no país, 200.000 comprimidos, numa operação em que foram detidos oito membros de uma rede internacional que traficava estas drogas para a produção de ‘karkubi’.


“A investigação levou à maior apreensão de drogas no nosso país [Espanha] – 200.000 comprimidos da família das benzodiazepinas – e resultou na detenção de oito pessoas e na apreensão de mais de 500.000 comprimidos em Espanha e Marrocos”, indicou um comunicado da Polícia Nacional espanhola.


A força de segurança explicou que o ‘karkubi’, também conhecida como a “droga de gente pobre” em Marrocos, é o nome dado a um estupefaciente feito através da mistura de drogas psicotrópicas com haxixe, álcool ou cola.


Também é chamada de “cartucho”, “recarga”, “ampola vermelha” ou “Guadalupe”, bem como “droga do pobre homem”, devido ao seu baixo custo.


A operação foi realizada nas províncias de Lérida (Catalunha), onde vivia o líder da organização, Madrid e Alicante (Comunidade Valenciana), onde o principal fornecedor de comprimidos à rede foi detido.


A investigação começou em junho de 2021 quando foi encontrada em Marrocos uma carrinha alugada por uma empresa de transportes sediada em Lérida, dentro da qual os agentes encontraram 4.477 gramas de cocaína e 361.672 comprimidos de drogas psicotrópicas.


Esta rede obteve as drogas através da falsificação de receitas médicas a toxicodependentes, uma vez que estes produtos são prescritos aos consumidores habituais de drogas.


Em meados de dezembro passado, os agentes realizaram a última fase da operação, que terminou com quatro buscas domiciliárias em Lérida (três) e Alicante (uma), e cinco detenções.


O líder da organização, um indivíduo de origem marroquina, foi detido na província de Lérida.


Durante buscas realizadas na sua casa, as autoridades apreenderam 27.000 euros em dinheiro e 300 comprimidos.


O principal fornecedor de drogas à rede foi detido, por sua vez, em Alicante, onde os agentes apreenderam pequenas quantidades de diferentes comprimidos que o suspeito guardava como amostras das diferentes substâncias que eram traficadas pela organização.



FPB // SCA


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário