16 Setembro 2021, 19:29

Portugal volta ao mercado na quarta-feira para colocar até 1.000 ME em dívida a seis e 10 anos

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Lisboa, 04 jun 2021 (Lusa) – Portugal regressa aos mercados na quarta-feira para colocar entre 750 e 1.000 milhões de euros em Obrigações do Tesouro (OT) a cerca de seis e 10 anos, foi hoje anunciado.


Num comunicado hoje divulgado, o ICGP, que gere a dívida pública, precisa que as OT, que serão leiloadas na quarta-feira, têm maturidades em 15 de outubro de 2027 (cerca de seis anos) e em 17 de outubro de 2031 (cerca de 10 anos).


No anterior leilão comparável de OT a 10 anos, em 12 maio, Portugal colocou 551 milhões de euros à taxa de juro de 0,505%, superior à de 0,237% registada num leilão com prazo semelhante em 10 de março, e a procura cifrou-se em 1.360 milhões de euros, 2,47 vezes o montante colocado.


Em relação ao prazo mais curto, no anterior leilão comparável em 10 de março, foram colocados 625 milhões de euros em OT com maturidade em 15 de outubro de 2027 (cerca de seis anos e meio) à taxa de juro de -0,086% e a procura atingiu 1.609 milhões de euros, 2,57 vezes o montante colocado.


Com o prazo mais similar ao das OT a cerca de seis anos e meio, Portugal tinha colocado em 14 de outubro do ano passado 654 milhões de euros em OT a cerca de oito anos à taxa de juro de -0,085% e a procura tinha-se cifrado em 1.546 milhões de euros, 2,36 vezes o montante colocado.



MC // JNM


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário