04 Julho 2022, 04:49

Presidente dos Emirados Árabes Unidos morreu aos 73 anos

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Abu Dhabi, 13 mai 2022 (Lusa) — O Presidente dos Emirados Árabes Unidos (EAU), Sheikh Khalifa bin Zayed Al-Nahyan, que acompanhou a ascensão do seu país no cenário internacional nas últimas duas décadas, morreu aos 73 anos, anunciaram hoje autoridades.


O Governo dos EAU declarou “luto oficial e bandeiras a meia haste” por 40 dias, disse a agência de notícias oficial WAM.


O falecido chefe de Estado apenas raramente aparecia em público desde um derrame cerebral, em janeiro de 2014.


Khalifa supervisionou grande parte do crescimento económico do país e o seu nome foi imortalizado no edifício mais alto do mundo, o Burj Khalifa, depois de ajudar a resgatar financeiramente o Dubai, durante uma crise financeira há mais de uma década.


O Ministério de Assuntos Presidenciais dos Emirados Árabes Unidos anunciou um período de luto de 40 dias e uma suspensão de três dias de trabalho em todos os ministérios e no setor privado a partir de hoje, incluindo bandeiras a meia haste.


O Presidente há muito que deixara de se envolver nos assuntos da governação, por problemas de saúde, deixando as principais tarefas de Estado para o seu meio-irmão, o príncipe herdeiro de Abu Dhabi, Mohammed bin Zayed.


Para já, não há anúncio de um sucessor, embora se preveja que Mohammed bin Zayed reivindique a Presidência.



RJP // JH


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário