06 Setembro 2022, 14:56

Quatro mortos e cinco desaparecidos em colapso de edifício na Sicília

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Quatro pessoas morreram e cinco foram dadas como desaparecidas no colapso de um edifício de quatro pisos na cidade siciliana de Ravanusa, devido a uma alegada explosão de gás, disseram hoje as autoridades italianas.

Duas mulheres foram encontradas vivas debaixo dos escombros após a explosão, ocorrida no sábado à noite.

As equipas de socorro, ajudadas por cães, continuavam hoje de manhã à procura das pessoas desaparecidas, segundo a agência de notícias France-Presse.

A Segurança Civil local confirmou na rede social Twitter a morte de quatro pessoas, depois de informações iniciais de que o balanço era de dois mortos e sete desaparecidos.

As televisões italianas mostraram imagens de uma enorme pilha de escombros e vigas de madeira espalhadas pelo chão, e edifícios próximos queimados e danificados.

Uma explosão de gás, seguida de incêndio, pode ter sido a causa do acidente, de acordo com as autoridades, que abriram uma investigação.

“Gás provavelmente acumulado numa cavidade. Esta bolsa de gás poderá ter encontrado um gatilho acidental: um carro, um elevador, uma aplicação elétrica”, comentou o chefe dos bombeiros de Agrigento, Giuseppe Merendino, no canal Rainews24.

Pouco depois da explosão, o presidente da câmara de Ravanusa, Carmello D’Angelo, apelou no Facebook a “qualquer pessoa com pás e bulldozers” para que fosse ajudar nos trabalhos de socorro.

“Isto é um desastre”, disse Carmello D’Angelo.

Cerca de 50 pessoas tiveram de ser realojadas, acrescentou o autarca à Rainews24.

 

Sem comentários

deixar um comentário