06 Agosto 2021, 00:49

Representante da ONU para a África Ocidental analisa instabilidade regional com Cabo Verde

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Praia, 09 jun 2021 (Lusa) – O novo representante da Organização das Nações Unidas (ONU) para a África Ocidental e Sahel, Annadif Saleh, reafirmou hoje o apoio da organização a Cabo Verde e abordou com o Governo cabo-verdiano a instabilidade em alguns países da região.

“Cheguei esta manhã para estabelecer os primeiros contactos com a autoridades e reafirmar o engajamento e o suporte das Nações Unidas ao desenvolvimento de Cabo Verde”, disse Annadif Khatir Mahamat Saleh, após uma reunião no Ministério dos Negócios Estrangeiros, na Praia.

Durante o encontro, que antecedeu reuniões com o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, e com o Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, o enviado especial analisou com a diplomacia cabo-verdiana a situação de instabilidade que alguns países da região vivem atualmente.

“Sobretudo a questão da consolidação da Paz e da segurança na região. Como sabemos há vários países que estão numa situação particular no que toca à questão da segurança”, disse, no final da reunião, a secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação de Cabo Verde, Miriam Vieira.

Antes de se deslocar a Cabo Verde, Annadif Khatir Mahamat Saleh esteve no Gana, que assume a presidência rotativa da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), e depois na Guiné-Bissau, em 02 de junho.

Annadif Khatir Mahamat Saleh, do Chade, foi nomeado em março representante do secretário-geral da ONU, António Guterres, para a África Ocidental e Sahel, tendo substituído no cargo Mohamed Ibn Chambas.

Antes de ocupar as atuais funções, Annadif Saleh foi representante especial do secretário-geral da ONU para o Mali e chefe da missão de estabilização da ONU no Mali (Minusma).

PVJ // LFS

Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário