13 Maio 2022, 19:46

Rúben Amorim confirma que o seu futuro é no Sporting e sem Slimani

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Alcochete, Setúbal, 06 mai 2022 (Lusa) — O treinador do Sporting, Rúben Amorim, confirmou hoje, em conferência de imprensa, que o seu futuro passa pelo comando da equipa de futebol dos ‘leões’ e descartou o avançado argelino Slimani para a próxima temporada.


“É um assunto encerrado. Eu vou seguir o meu caminho e o meu caminho passa pelo Sporting. E o Slimani não faz parte daquilo que eu penso que é a ideia do próximo ano”, frisou o técnico ‘leonino’, em Alcochete, durante a antevisão do encontro de sábado, frente ao Portimonense, a contar para a 33.ª jornada da I Liga.


Taxativo, o técnico repetiu três vezes na mesma intervenção que Slimani “é um assunto encerrado” e frisou que será tudo tratado com a estrutura do clube.


“Será tudo conversado com o Slimani e com a direção. Para mim, enquanto treinador, é um assunto encerrado”, concluiu.


No final, o técnico assumiu também que o regresso de Tiago Tomás na próxima temporada é uma hipótese para colmatar a saída do argelino, mas lembrou que o empréstimo do jovem da formação do clube ao Estugarda, da Alemanha, “pode ser prolongado, ou não”, por mais uma época.


“Vamos fazer essa avaliação dos jogadores que ficam, que vão, vamos falar com os jogadores, pois é importante falar com os jogadores. É uma hipótese, pode voltar. Também temos o Rodrigo Ribeiro a aparecer, mas se calhar é um bocadinho cedo”, assumiu Amorim.


De resto, o treinador voltou a recusar falar do mercado de transferências antes do final da época, escusando-se a confirmar se o defesa Jeremiah St. Juste, do Mainz, vai ser reforço dos ‘verdes e brancos’, mas admitiu que haverá ajustes no plantel.


“As alterações têm a ver com o entendimento que há dos jogadores que têm de ficar ou têm de sair. Tudo isso é uma gestão que fazemos no fim das épocas e há características que temos de acrescentar à equipa”, analisou.


O Sporting visita o Portimonense no sábado, em encontro da 33.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol com início marcado para as 20:30, no Portimão Estádio, e arbitragem de Rui Costa, da Associação de Futebol do Porto.


Rúben Amorim voltou a não chamar Slimani para um encontro onde os leões até podem entrar já sem hipóteses matemáticas de chegar ao título, bastando, para isso, que o FC Porto consiga pelo menos um empate na visita ao Benfica, que tem início às 18:00.


Caso os ‘dragões’ saiam do Estádio da Luz derrotados, o Sporting precisa obrigatoriamente de vencer os algarvios para adiar a decisão do título de campeão para a última jornada, quando recebe o Santa Clara e o FC Porto defronta o Estoril, no Estádio do Dragão.


 


SYL // MO


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário