04 Julho 2022, 01:21

Rui Coelho e Ana Cabecinha sagraram-se campeões nacionais de 20 quilómetros marcha

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

Os atletas Rui Coelho, do Benfica, que venceu pela primeira vez, e Ana Cabecinha, do Clube Oriental de Pechão, que conquistou o nono título, sagraram-se hoje campeões nacionais de 20 quilómetros marcha de estrada, em Olhão.

O benfiquista Rui Coelho somou o seu segundo título em 2022, depois de em janeiro ter conquistado a prova de 35 quilómetros, e inscreveu o seu nome na galeria de vencedores pela primeira vez, depois de cinco anos de domínio de João Vieira, que hoje não competiu.

Numa prova vencida pelo colombiano Cristian Rojas, que participou extra campeonato nacional, o equilíbrio foi flagrante na parte inicial, com a frente de corrida ocupada durante largos períodos por um quinteto, que o deixou de ser após Guilherme Rodrigues se ter sagrado campeão nacional de juniores, ao cabo de dez quilómetros.

Rui Coelho, de 27 anos, atacou aos 14 quilómetros, ‘desmanchando’ o grupo e isolando-se para impor o ritmo, que acabaria por pagar na fase final, quando foi ultrapassado por Rojas, que finalizou o percurso em 01:27.43 horas.

O atleta de Seia sagrou-se campeão nacional com um registo de 01:27.47 horas, o vice-campeão foi Paulo Martins, do Sporting, em 01:28.10, e Hélder Santos, do Leiria Marcha Atlética, fechou o pódio do campeonato nacional em 01:30.17.

Na prova feminina, a marchar ’em casa’, no concelho onde se radicou desde criança, Ana Cabecinha somou o seu nono título de 20 km marcha, quarto consecutivo, de forma mais fácil.

Cabecinha e a júnior Inês Mendes, campeã nacional do escalão em 10 km, isolaram-se na quinta volta ao percurso de um quilómetro em Olhão e, depois, a alentejana ficou sozinha, gerindo o ritmo e as distâncias para as perseguidoras, terminando em 01:36.10 horas.

Joana Pontes, do Leiria Marcha Atlética, alcançou a medalha de prata, em 01:37.19 horas, e Maria Bernardo, do Clube Oriental de Pechão, foi terceira classificada, em 01:39.17.

Resultados:

Masculinos:

Seniores (20 km):

1. Cristian Rojas (Colômbia), 01:27.43 horas (extra competição)

2. Rui Coelho (Benfica), 01:27.47

3. Paulo Martins (Sporting), 01:28.10

4. Hélder Santos (Leiria Marcha Atlética), 01:30.17

5. Manuel Marques (Jardim da Serra), 01:36.40

Veteranos (10 Km):

1. Manuel Marques (Jardim da Serra), 46.49 minutos

2. Luís Silva (Leiria Marcha Atlética), 50.04

3. Paulo Cunha (CC São João da Madeira), 51.23.

Juniores (10 km):

1. Guilherme Rodrigues (Sporting), 43.44 minutos

2. Pedro Dias (CO Pechão), 44.28

3. Tiago Ramos (CA Tunes), 44.33.

Femininos:

Seniores (20 km):

1. Ana Cabecinha (CO Pechão), 01:36:10 horas

2. Joana Pontes (Leiria Marcha Atlética), 01:37.19

3. Maria Bernardo (CO Pechão), 01:39.17

4. Vitória Oliveira (Sporting de Braga), 01:39.50

5. Bruna Marques (Juventude Vidigalense), 01.45.09

Veteranas (10 km):

1. Ana Cabecinha (CO Pechão), 47.58 minutos

2. Kristina Saltanovic (GD São Domingos), 51.44

3. Sandra Silva (AC Póvoa de Varzim), 52.23.

Juniores (10 km):

1. Inês Mendes (individual), 47.54 minutos

2. Carina Ferreira (ADCCJ Clark), 53.36

3. Beatriz Gonçalves (GRECAS), 54.11.

Sem comentários

deixar um comentário