08 Outubro 2022, 10:11

Sexto lugar de Leandro Ramos a fechar presença portuguesa na Liga Diamante

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



Leandro Ramos, no lançamento do dardo, foi o quinto e último português a entrar em ação na final da Liga Diamante de atletismo, que se disputou em Zurique, terminando o concurso no sexto lugar.

Antes, nos dois dias de provas em Zurique, Pedro Pichardo foi segundo no triplo salto masculino, enquanto Auriol Dongmo, no peso, e Liliana Cá, no disco, se posicionaram na terceira posição. Mais discreta, Patrícia Mamona fechou em sexto lugar a lista de finalistas do triplo feminino.

Ramos lançou apenas duas vezes, com 71,96 metros na primeira vez e 66,51 na segunda, não executando os outros quatro lançamentos a que tinha direito.

O indiano Neeraj Chopra, campeão olímpico, ganhou o concurso com um lançamento a 88,44 ao segundo ensaio, derrotando o checo Jakub Vadleich, com 86,94, e o alemão Julian Weber, com 83,73.

Mais cedo, Liliana Cá fechou o seu concurso do disco em terceiro lugar, em prova que teve como vencedora a norte-americana Valarie Allman.

A lançadora portuguesa esteve muito regular e a bom nível, com cinco lançamentos a mais de 60 metros, marcando no melhor 63,34.

Allman, atual campeã olímpica, venceu com 67,77 metros, com a croata Sandra Perkovic muito perto – a atual campeã da Europa enviou o disco a 67,31.

Sem comentários

deixar um comentário