06 Julho 2022, 06:10

Ucrânia: Braga vai receber 30 refugiados no final desta semana

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



Braga prepara-se para receber, no final desta semana, 30 refugiados ucranianos, que serão retirados serão retirados de zonas de fronteira na Polónia e na Roménia, anunciou hoje o município.

Em comunicado, o município acrescente que, no sentido de organizar a viagem e todos os elementos logísticos necessários à receção daqueles refugiados em Braga, realizou-se hoje uma reunião que juntou elementos dos vários agentes a trabalhar no terreno nesta área.

O encontro permitiu articular com a empresa de transporte bracarense a retirada daqueles cidadãos ucranianos, assim como dialogar com os diversos parceiros para criar condições que garantam o acolhimento imediato dos refugiados e a sua posterior integração.

Em causa está, nomeadamente, a disponibilização de cuidados de saúde, habitação condigna, emprego e necessidades educativas que possam vir a ter para os seus filhos.

Ainda segundo o comunicado, estes refugiados foram identificados por um grupo de jovens com ligações à comunidade de residentes Ucranianos em Braga.

Paralelamente, seguir-se-ão outras medidas de apoio por parte da comunidade de Braga à Ucrânia e aos seus cidadãos, de acordo com as necessidades que vão surgindo e a evolução da situação no terreno de guerra.

Vários movimentos da cidade estão a angariar bens de primeira necessidade, que farão chegar “a quem mais precisa”.

Sem comentários

deixar um comentário