17 Agosto 2022, 14:05

Ucrânia: MNE russo desafia Estados Unidos para “diálogo pragmático”

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Moscovo, 15 fev 2022 (Lusa) — O chefe da diplomacia russa, Sergei Lavrov, desafiou hoje o seu homólogo norte-americano, Antony Blinken, para um “diálogo pragmático” sobre segurança na Europa, durante uma conversa telefónica, em plena crise ucraniana.


“Lavrov sublinhou a inadmissibilidade da retórica agressiva usada por Washington e pelos seus aliados mais próximos, pedindo um diálogo pragmático sobre todas as questões levantadas pela Rússia”, disse o Ministério dos Negócios Estrangeiros russo, em comunicado.


O chefe da diplomacia russa também sublinhou a necessidade de “continuar o trabalho conjunto” entre Moscovo e Washington para aliviar as tensões.


A conversa telefónica decorreu enquanto Paris, Berlim e a NATO registavam um sinal “positivo”, após o anúncio, hoje, de uma retirada parcial das forças russas posicionadas nas fronteiras da Ucrânia, que há semanas alimentam o receio de uma invasão e posterior conflito militar.


O Presidente russo, Vladimir Putin, assegurou, após uma reunião com o chanceler alemão, Olaf Scholz, que a Rússia não quer uma guerra, enquanto insistiu que a expansão da NATO e as ambições da Ucrânia de aderir à Aliança Atlântica representam uma ameaça ao seu país.


Putin disse ainda estar empenhado em chegar a “um acordo sobre os problemas (…) através da diplomacia”, mas insistindo em que não cederá na exigência de evitar o alargamento da NATO na Europa de Leste.



RJP // PDF


Lusa/Fim

Sem comentários

deixar um comentário