04 Julho 2022, 07:35

Ucrânia: Vladimir Putin perde cinturão negro honorífico da World Taekwondo

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Agora que chegou aqui…

Ao longo do último ano, o MUNDO ATUAL tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, não só nacional como local, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O MUNDO ATUAL é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há um ano.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o MUNDO ATUAL.

Obrigado!

PUB – CONTINUE A LER A SEGUIR



O presidente da Rússia, Vladimir Putin, foi hoje desapossado pela World Taekwondo do cinturão negro honorífico de nono dan, que lhe tinha sido concedido em 2013.

“Condenamos veementemente os ataques brutais a vidas inocentes na Ucrânia, que vão contra a visão da World Taekwondo de que ‘a paz é mais preciosa do que a vitória’, bem como os valores de respeito e tolerância”, justificou a federação internacional da modalidade.

A World Taekwondo informou ainda que vai acatar a sugestão do Comité Olímpico Internacional (COI) de omitir a bandeira e o hino da Rússia e da sua aliada Bielorrússia em todas as competições.

Na mesma linha, nenhuma das duas nações vai poder organizar competições internacionais.

“Os nossos pensamentos estão com o povo da Ucrânia e esperamos um fim pacífico e imediato para esta guerra”, completou o organismo.

Além da World Taekwondo, também a Federação Internacional de Judo retirou a Putin, no fim de semana, o oitavo dan do seu desporto favorito, bem como a vice-presidência honorífica que tinha desde 2008.

Sem comentários

deixar um comentário