07 Outubro 2022, 06:19

Vizela já iniciou distribuição de meios tecnológicos para permitir ensino à distância

mundoatual AdministratorKeymaster

Foto: Mundo Atual

______

Já arrancou a distribuição de tablets, computadores e acessos à internet aos alunos e professores do concelho de Vizela, levada a cabo pela autarquia. O objetivo é possibilitar aos estudantes o acompanhamento das atividades letivas em casa durante o período de encerramento das escolas devido à Covid-19 e, assim, garantir o ensino à distância, promovendo a igualdade no acesso à educação.

“Tendo em atenção a decisão do Governo de encerramento das escolas com os alunos a retomar as atividades educativas à distância, necessitando por isso de equipamentos informáticos, e que todos os alunos têm direito a igualdade no acesso à educação, a Câmara Municipal disponibilizou cerca de 400 tablets e computadores e cerca de 100 acessos à Internet, aos alunos e professores das escolas do concelho”, informou o Município.

A entrega foi articulada entre a autarquia e os Agrupamentos de Escolas do concelho, que referenciaram os alunos e depois entregaram os equipamentos diretamente aos encarregados de educação.

A Câmara vai reativar o portal AEC’s Vizela (aeconline.cm-vizela.pt), uma página de internet criada “para dinamizar de forma não presencial as aulas das atividades extracurriculares dos Agrupamentos de Escolas de Vizela e de Infias, com o objetivo principal é partilhar ideias e possíveis atividades a realizar pelos alunos, durante este período de encerramento das escolas e de isolamento social”.

O Município está ainda a apoiar as famílias carenciadas que manifestaram essa necessidade junto dos agrupamentos, no serviço das refeições aos alunos, sendo que as cozinhas continuam a funcionar, em regime de take-away.

Algumas das escolas dos agrupamentos estão também abertas para acolher para crianças com idade igual ou inferior a 12 anos, filhos de pais que trabalham em serviços essenciais, assim como a manutenção das atividades para crianças com necessidades educativas especiais que não serão interrompidas.

 

Sem comentários

deixar um comentário