19 Setembro 2022, 14:05

Wall Street fecha com recordes a sua melhor semana desde há dois meses

LUSA Autor
Agência de notícias de Portugal

Nova Iorque, 05 fev 2021 (Lusa) — A bolsa nova-iorquina fechou hoje com um tom positivo, sinalizando, com recordes, a sua melhor semana desde há dois meses, graças à perspetiva de um maciço plano de apoio á economia dos EUA.


Os resultados definitivos indicam que o índice seletivo Dow Jones Industrial Average avançou 0,30%, para os 31.148,24 pontos.


Mas foram os outros que voltaram a fechar em níveis inéditos. O tecnológico Nasdaq avançou 0,57%, para as 13.856,30 unidades, um novo recorde depois do que fixara na véspera, e o alargado S&P500 ganhou 0,39%, para uns nunca registados 3.886,83 pontos.


Os investidores “estão muito entusiasmados com o estímulo que pode ser adotado rapidamente”, comentou Peter Cardillo, da Spartan Capital Securities.


“Dir-se-á que o plano Biden vai ser aprovado”, acrescentou, uma vez que o apoio maciço de 1,9 biliões (milhão de milhões) de dólares (1,6 biliões de euros) pode ser aprovado no Congresso por um procedimento de votação simples, para contornar a oposição dos republicanos e ganhar tempo na votação.


O presidente Joe Biden prometeu hoje “agir depressa” perante “a dor do país”, cuja economia sofreu um grande impacto da pandemia do novo coronavirus.


Os investidores também estiveram a analisar um relatório sobre a situação no emprego. A taxa de desemprego baixou para 6,3%, por razões técnicas, ao passo que a criação de emprego foi quantificada em modestos 49 mil, depois de fortes revisões em baixa nos meses precedentes. “Este não foi um bom relatório sobre o emprego, mas também não foi mau”, observou Peter Cardillo.


“Há ainda muitas pessoas sem emprego e isso dá mais possibilidades aos democratas” para fazerem aprovar o estímulo no Congresso, acrescentou.


Dez dos 11 setores em eu se divide o S&P500 terminaram e alta, liderados pelo dos materiais, serviços de comunicação e energia.


No conjunto da semana, estes três índices subiram: o Dow 3,89%, o Nasdaq 6% e o S&P500 a ficar no meio destes, com uma valorização de 4,65%, nos que foram os seus ganhos semanais mais fortes desde novembro.


A ação da GameStop, que tem estado no centro das atenções, bolsistas e políticas, persistiu hoje no seu comportamento volátil, com uma valorização de 19,20%.



RN//RBF


Lusa/fim

Sem comentários

deixar um comentário